top of page

Como Ter Controle Do Fluxo De Caixa Durante Uma Crise Econômica?

Atualizado: 5 de mai. de 2021


Será que você tem controle do fluxo de caixa da sua empresa? Afinal, saber como controlar essa questão no dia a dia é de extrema importante, mas em tempos de crise, por exemplo, é ainda mais necessário. Isso porque a expectativa é que a receita diminua.


Confira como ter o controle de caixa e fazer com que a sua empresa sobreviva, mesmo em momentos de crise econômica!


Como ter o controle do fluxo de caixa?


As crises econômicas nacionais ou mundiais acontecem sem aviso prévio. Atualmente, estamos enfrentando os impactos da COVID-19 e, com isso, aprendendo a desenvolver novas estratégias para que as empresas sobrevivam, ainda mais as de pequeno porte. 


Como durante a crise a expectativa é que haja diminuição na receita dos empreendedores, a maneira mais eficaz de garantir a permanência da mesma é ter a gestão correta do fluxo de caixa. Afinal, a saúde financeira é essencial para o futuro do negócio. 


Você consegue dizer, agora, como anda o controle diário das suas despesas e receita? Ou, melhor, qual foi o resultado do seu último controle mensal? As respostas para essas perguntas devem estar na ponta da língua, fora isso, significa que você não sabe como ter o controle do fluxo de caixa da sua empresa. 

Se está nessa situação, confira três dicas que separamos para que você tenha um caixa aliado em tempos de crise:


1. Garanta as despesas fixas


Se a entrada de receita diminui, consequentemente, os seus custos também devem ser menores. Porém, existem aqueles fixos, como aluguel, manutenção e folha de pagamento, que não dá para serem cortados. Mas como garantir a continuidade desses gastos sem a mesma quantidade de venda?

Para começar, calcule quanto você precisa desembolsar e avalie se a receita e o capital de giro serão suficientes para cobrir os gastos. É interessante ter uma reserva financeira da empresa para momentos assim, pois você garante a estabilidade do negócio sem precisar usar o seu próprio lucro. 


2. Faça uma projeção do futuro


Para ter o controle do fluxo de caixa na crise, não deixe de fazer uma projeção do futuro do seu negócio. Caso não saiba quanto tempo a crise vai durar, é indicado fazer a projeção dos próximos três meses, já contabilizando a redução de receita. Se preferir, pode fazer mensalmente mas não é 100% indicado. 


3. Tenha o Governo como aliado


Na crise da COVID-19, o Governo Federal lançou medidas provisórias e pacotes econômicos emergenciais para socorrer empresas. Veja abaixo algumas medidas que podem auxiliar no controle do fluxo de caixa:

  • redução proporcional da jornada de trabalho;

  • redução de salário para evitar demissões;

  • o prazo para pagamentos dos tributos federais foi adiado no Simples Nacional.

Torun

15.09.2020






bottom of page