top of page

O que é portabilidade de sálario, e como funciona?

Atualizado: 4 de mai. de 2021


Portabilidade de salário


A portabilidade de salário é o direito do empregado de escolher onde quer receber seu salário mensalmente.


Com a portabilidade, o dinheiro é transferido para a conta-corrente escolhida sem que nenhuma tarifa seja cobrada.


Para solicitar o serviço, o interessado deve ir à uma agência do banco escolhido, ou, em caso de bancos digitais, realizar o procedimento pelo aplicativo.


Do mesmo modo, funciona da seguinte forma: o empregado recebe o seu salário mensalmente em uma conta-salário criada pela empresa empregadora, mas acha que seria mais vantajoso para ele, por diversos motivos, receber em uma conta de outra instituição financeira.



Da mesma forma, após ir até a agência do banco desejado e ter a portabilidade de salário aprovada, o dinheiro que antes só podia ser retirado pela conta-salário escolhida previamente pelo empregador, será transferido automaticamente para a escolhida pelo empregado.


Mas atente-se ao fato de que a conta-salário não deixará de existir, só o dinheiro depositado nela será transferido de forma automática para outro banco.


Quem pode fazer a portabilidade de salário?


Funcionários de empresas privadas ou públicas que tenham uma conta-salário. Quem recebe em conta-corrente, por exemplo, não consegue fazer a portabilidade de salário.


O que é necessário para fazer a portabilidade de salário?


Na solicitação é necessário informar o CNPJ da companhia e o banco no qual a pessoa tem a conta-salário.



É importante ter estes dados em mãos antes de solicitar a portabilidade – se você informar algum deles incorretamente, o processo de transferência de recursos pode ficar mais demorado.


Onde conseguir essas informações?


As informações referentes à empresa em que você trabalha e a instituição em que você recebe seu salário podem ser encontradas em seu demonstrativo ou folha de pagamento – normalmente, tais dados estão no topo do documento, junto de suas informações pessoais.



Torun

10.12.2020


bottom of page